quinta-feira, 16 de agosto de 2007

Lilavati


Muitos séculos antes de Cristo já se sabia resolver certos tipos de equações do 2° grau. Entretanto, a fórmula resolutiva de uma equação do 2° grau só surgiu no século XII e é atribuída ao mais importante matemático desse século, o hindu Bhaskara. Sua obra mais conhecida chama-se Lilavati.

Lilavati? Mas que título estranho...

Lilavati era o nome da filha de Bhaskara. Mas por que um matemático iria colocar na sua obra mais importante o nome de sua filha? Eu vou lhes contar....


Bhaskara Akaria era fanático por astrologia. Acreditava plenamente nas predições asatrológicas. Os astrólogos previram que lilavati só poderia se casar em determinada hora de determinado dia. O dia chegou e a jovem, muito ansiosa, observavao relógio de água, colocando numa vasilhacom água e que deveria marcar a hora mais propícia para o casamento.


O relógio de água tem no fundo um orifício por onde penetra a água. Quando todo o relógio estivesse submerso, chegaria o momento de se casar.


Acontece que, ao se debruçar sobre o relógio, Lilavati não se dera conta de que uma pequena pérola de seu vestido havia se desprendido e tapado o orifício do relógio, impedindo a entrada da água. Com isso o relógio não afundou.


Mais tarde, o incidente foi descoberto, mas a hora propícia para o casamento havia se passado, e o noivo, com medo de maus presságios, havia fugido. Lilavati não se casou. O pai, para consolá-la, prometeu perpetuar o seu nome, dando a um de seus livros o título: Lilavati.

Essa é a história do nome desse livro. Verdadeira ou não, foi assim que me contaram.

18 comentários:

caco disse...

tudo bem Felipe?teu blog é bastante interessante,artigos legais,eu tambêm tenho um blog sobre matemática,se quizer passa por la,derrepente a gente troca umas idéias,abraços.

caco disse...

Ops,me esqueci de colocar o endereço.

matemática na veia

http://matematica-na-veia.blogspot.com

Thiago Toledo disse...

Espetáculo infantil "LILAVATI - Uma Aventura das Índias e de outros lugares também".

Sábados e Domingos - 16 Hs
Teatro Ruth Escobar - São Paulo

mansur disse...

adorei este post , ainda mais que eu precisava de seber a história de Lilavati pra um trabalho de matemática.

Emilynha Marques disse...

Muito bom este post me ajudou bastante num trabalho de matemática q eu precisava fazer. Seu blog está de parabéns, tem mtas coisas interessantes nele.

Anônimo disse...

ola por favor!
poderia me responder uma questao de matematica?
qual é o numero que somado a sua metade, mais tres quarto de seu quociente por 7 e adicionado ao dobro de sua 3 parte é iqual a 16?
Por favor se tiver a resposta me envie por imal: nadiaceccon@yahoo.com.br
obrigado

Anônimo disse...

ola por favor!
poderia me responder uma questao de matematica?
qual é o numero que somado a sua metade, mais tres quarto de seu quociente por 7 e adicionado ao dobro de sua 3 parte é iqual a 16?
Por favor se tiver a resposta me envie por imal: nadiaceccon@yahoo.com.br
obrigado

Kah disse...

Oii Felipe!Tudo bem?
Eu faço uma pesquisa sobre Bhaskara e a equação do segundo grau, e segundo os dados que eu pesquisei em vários livros conhecidos de história da matemática: até o início do sec. XVI ainda não era conhecida nenhuma fórmula que pudesse resolver qualquer tipo de equação do segundo grau. Como vc comentou Bhaskara viveu no sec. XII, mas a fórmula geral não é dessa época (daí o erro em atribuir a fórmula a Bhaskara) existiam sim fórmulas específicas para certos tipos de equação que foram descobertas pelo matemático persa Al-Khowarizmi!!!

Att
Kamila

Fellipe Pinto disse...

Respondendo a Kamila!!!!

Kamila Bhaskara apenas teria publicado a Formula daí ela ter seu nome, porém acredito que seja consenso no meio academico e cientifico que Bhaskara teria apenas publicado e não desenvolvido, e quem realmente desenvolveu-la foi o matemático árabe Al-Khowarizmi aproximadamente 4 séculos antes. Não consegui identificar como Bhaskara tomou conhecimento desta formula....

Kamila disse...

Então Felipe, pelo que eu sei, a fórmula geral do jeito q conhecemos hj só foi desenvolvida e publicada em 1631 por um matemático chamado William Outghtred. Mas esse matematico conseguiu esse resultado generalizando outros resultados já conhecidos por outros matematicos que estiveram envolvidos na dedução fórmmula. E todo esse estudo começou baseado nos métodos geométricos dos Elementos de Euclides e nas fórmulas específicas de Al-Khowarizmi. Já Bhaskara, no Lilavati, resolvia alguns problemas do segundo grau, mas a fórmula geral em momento algum aparece em suas obras.

Anônimo disse...

Hoje eu fiquei conheçendo a historia de Lilaváti por inteiro, achei fascinante!Mt bom tambem era o jeito de o hindu Bhaskara fazia as indagações no livro... sempre com muito encantamento. mt bom! Parabens!

Fabiana Demarch disse...

pode me ajudar? tenho que responder este desafio. mas não sei se souber mande para meu
e-mail.

nani_demarch@hotmail.com

A quinta parte de um enxame de abelhas pousou na flor de kadamba,a terça parte numa flor de si linda,e o triplo-da diferença entre estes dois números voa sobre uma flor de krutasa, e uma abelha adeja sozinha ,no ar atraído pelo perfume de um Pandnus dize-me bela menina qual o número de abelhas de seu pai Bhaskara para Lilavati.
se vc souber responda por favor

Anônimo disse...

Boa noite, aqui em Brasília irá acontecer um evento organizado pela SBEM - DF, o V Encontro Brasiliense de Educação Matemática em Setembro. Caso queira participar, apresentar algum trabalho ou divulgar no site o link é este: http://www.sbemdf.com/vebrem
Um abraço

Kah disse...

Fabiana, é o seguinte:

x é o número de abelhas, que você precisa descobrir;

x/5 é o número de abelhas que pousaram na flor de kadamba;

x/3 é o número de abelhas que pousaram na flor silinda;

3(x/3-x/5)é o número de abelhas que voam sobre uma flor de krutasa;

E 1 abelha está sozinha;

Então somando todos os grupos devemos ter o total de x abelhas:

(x/5)+(x/3)+3(x/3-x/5)+1=x
Tirando o mínimo:
((3x+5x)/15)+3((5x-3x)/15)+(15/15)=15x/15
Daí,
(8x/15)+(6x/15)+(15/15)=15x/15
Assim, como os denomidares são todos iguai a 15 podemos simplificá-los e trabalahar só com numeradores da equação:
8x+6x+15=15x
14x+15=15x
15=15x-14x
x=15

Então o número de abelhas procurado é 15!!!!!

Att
Kamila

Celiana disse...

Olá Felipe!!!
Por favor poderia responder uma pergunta? É para um trabalho de escola...
Qual a importância da fórmula de Bhaskara para a vida das pessoas?
(Eu sei que esta fórmula serve para resolver as equações de segunda mais que outra utilidade ela tem? Ela é utilizada por engenheiros por exemplo).
Envie a resposta o mais rápido possivel para Celianaturski@hotmail.com

OBRIGADO!!!

***Lucy*** disse...

Paz,

Por considerar seu blog com conteúdo e bastante instrutivo, venho convidar-lhe a fazer parte de um blog que recentemente fiz parceria.
O método é interessante, pois este mesmo divulga uma série de outros blogs por categorias. Ex: Educação - História - Teologia etc...

Vale a pena conferir

http://www.educadoresmultiplicadores.com.br/
http://www.marquecomx.com.br/

Em Cristo,

***Lucy***
Deixo o convite para também conhecer meu humilde blog.

Anônimo disse...

resouva 5 veses 5 dividido por 5 mais 5 menos 5 igual a:

Fellipe Pinto disse...

Aprenda a escrever antes